31 de outubro de 2013

Hotel em Cuzco - Tierra Viva Cusco Plaza

Já falei um pouquinho do hotel que eu fiquei em Cuzco em outro post, mas agora vou falar um pouco mais.

Eu sempre começo pesquisando hotéis e passagens pelo decolar.com e depois faço uma comparação com outros sites de buscas, pois algumas vezes a variação de preços é grande, e dessa vez, o booking.com ganhou, a diferença não era exorbitante mas pra quem estava contando as moedinhas pra poder viajar, qualquer diferença valia a pena... hehehe

Bom, vamos lá...
Não foi difícil escolher o hotel de Cuzco pois uma exigência minha é que fosse perto/encostado na Plaza de Armas, que é onde tudo acontece, o principal ponto da cidade; daí era só ir vendo as fotos e os comentários dos outros hospedes, ir vendo os valores e pronto.
Pelo que eu pesquisei na época, os hotéis que ficam ali na Plaza de Armas costumam ser bons, mas, cuidado.. estou falando de hotéis e não de albergues ou B&B, pois desses eu não tenho nenhuma referência, então não posso dar opinião.

O escolhido foi o Tierra Viva Cuzco Plaza, da rede Tierra Viva Hoteles.



Depois que fiz a reserva pelo site, enviei um e-mail para o hotel perguntando se eles ofereciam o serviço de transfer do aeroporto para o hotel e quanto custava, e para minha surpresa, eles responderam que ofereciam e que tínhamos direito a um transfer gratuitamente, poderíamos escolher o trecho aeroporto - hotel ou o hotel - aeroporto. Preferi o primeiro trecho, pois como não conhecíamos nada na cidade e taxi em aeroporto é sempre mais caro, ficaria mais fácil pegarmos o transfer na chegada.
Ao chegarmos no hotel, o pessoal da recepção foi muito agradável, todos bem simpáticos e de cara já pediram que a gente sentasse um pouco e tomássemos o chá de coca, para irmos nos acostumando com a altitude, somente depois de uns 15 min entregamos o nosso papel da reserva e os passaportes.
A fachada é bem simples e praticamente não se vê o hotel, depois que você entra, você entende que a recepção fica praticamente no último andar do hotel, ou seja, os quartos são pra baixo, é bem interessante, mas não tem elevador.
Nosso quarto ficava no 4º (e último) andar pra baixo, e graças a Deus, o pessoal do staff desceu nossas malas no dia que chegamos, e subiram as mesmas no dia de irmos embora.
O hotel não é luxuoso, mas é bem arrumadinho e bem limpo, oferece café da manhã (incluso na diária) simples e chá de coca a vontade durante todo os dia. O pessoal da recepção sempre estava pronto para nos ajudar com qualquer informação, inclusive nos indicavam restaurantes, reservavam nossos tours, chamavam taxi pra gente etc, muiiito amáveis.
Para mim, o único ponto negativo do hotel foi a calefação. O sistema de aquecimento lá não é como o da Europa, que são fixos no ambiente, no Tierra Viva, eles disponibilizam aquecedores portáteis, que não são tão eficientes quanto o sistema fixo, ou seja, passamos um pouco de frio, mas nada que me impeça de hospedar-me outra vez nele.


O hotel fica na Calle Suecia, do lado da Plaza de Armas, mas pra chegar nele é bastante cansativo, pois essa rua é na verdade uma ladeira, não é muiiito inclinada, mas, por todas as condições de Cuzco, é bem cansativo subir e chegávamos ao hotel quase sem ar.
Gente, quando eu falo que é cansativo, não é frescura nossa, juro jurado. Simplesmente, devido a altitude em que Cuzco se encontra, tudo se torna mais difícil, inclusive respirar, e ao menor sinal de esforço, o corpo já fica cansado.

Olhem algumas fotos do hotel:

Sala de estar 
Vista da varanda do hotel
Pátio Interno

Quarto duplo

Café da manhã

Área do café da manhã


Então é isso gente, eu gostei do hotel e recomendo, mas se você procura luxo, é melhor buscar por outra opção, pois este é um bom hotel, tem conforto, é limpo, muito bem localizado o staff é bem educado, mas o hotel não é luxuoso.

Detalhes da reserva:

Tipo de quarto: duplo standart com café da manhã
Data do Check In: 30/06/2012
Data do Check Out: 06/07/2012
Total de diárias: 6 diárias
Valor: US$600,00

Quando a reserva é feita pelo booking.com, você só efetua o pagamento no hotel, por isso o pagamento é feito na moeda local, ou seja, no dia do check out o hotel converte o valor da reserva pra moeda local e você pode pagar tanto em espécie quanto em cartão.
Vale destacar que eles usam a conversão deles e não o valor oficial, algumas vezes isso se torna um problema, mas no caso do Tierra Viva, eles usaram uma conversão bemmm próxima da realidade, então não tivemos problema.


Nenhum comentário:

Postar um comentário