6 de outubro de 2014

TOUR PARA VALPARAÍSO E VIÑA DEL MAR

Lembram que eu disse no post sobre as 10 curiosidades sobre Santiago (leia aqui) que praticamente todos os brasileiros que vão a cidade fazem o tour para Valparaíso, Viña del Mar e Concha y Toro?
Então, eu fui uma delas.. hehehe, mas no meu caso eu só fui para Valpo e Viña

Várias empresas de turismo fazem esse passeio, mas como comprei outros com a Turistik, comprei este também pra poder barganhar um desconto melhor. Deu certo? Não muito, o desconto foi miserável.. hehehe... mas Ok.

Enfim...


  • O tour

É um passeio de um dia inteiro (manhã e tarde), então prepare-se para acordar bem cedo e voltar bem cansada, principalmente se for no verão.

Eu não sei como é o itinerário de todas as empresas, mas na Turistik, a primeira parada é em Valparaíso, onde percorremos as ruas a pé sempre ouvindo e acompanhando o guia, que nos conta historias da cidade.

Antes do horario do almoço, voltamos pro ônibus e seguimos para Viña del Mar, onde almoçamos e damos uma volta de ônibus pela cidade, parando em alguns pontos estratégicos.


Google Maps



Para os que querem conhecer a casa de Pablo Neruda, indico fazer esse tour por conta própria ou perguntar na empresa se o tour passa pela casa, pois no caso da Turistik, não passamos nem perto dela, nos disseram que o ônibus da empresa não entra na rua onde a casa está.


AS CIDADES


  • Valparaíso

Declarada Patrimonio Cultural da Humanidade pela UNESCO em 2003, a cidade é a terceira mais populosa de todo o país, atras somente de Santiago e de Concepcion e além disse é sede do Poder Legislativo do Chile.

A cidade foi construida em cima de 42 morros e colinas que levam ao oceano pacifico e a um dos principais portos do Chile.
O fato de estar em morros, faz com que cansemos muito mais rápido do que em cidades planas, é um sobe e desce sem fim. Eu não consigo me imaginar indo em uma cidade assim no verão, não mesmo!
Mas por outro lado, justamente por ser feita de morros, é que a cidade tem vários mirantes com vistas espetaculares.




Na foto acima, está um dos funiculares da cidade, espécie de elevador pra ajudar nesse sobe e desce dos moradores. Há vários espalhados pela cidade, e quando eu fui não tinha nenhum funcionando, pois os operadores de funiculares estavam em greve!




A cidade também é bastante famosa por ser bem colorida. Em Valpo, todo lugar que você olha tem casas coloridas e até construções maiores como museus e hotéis, aderiram a este estilo.



Uma das vistas para o mar
Um dos mirantes da cidade



  • Viña del Mar
Viña del Mar tem como cidade - irmã, nada mais nada menos que Florianópolis, então dá pra imaginar que ela tem um papel importante no turismo do Chile né?!




O Relógio de Flores, é um dos pontos turísticos mais conhecidos e mais fotografados da cidade. Foi construído na época da Copa do Mundo de 1962 e fica na avenida que liga Valpo a Viña, perto da praia Caleta Abarca.
Minha dica pra quem vai com excursão: vá olhar ao redor primeiro e depois, quando todo mundo já tiver tirado suas fotos, vá ver o relógio, pois por ele ser muito famoso, todo mundo vai direto pra ele e é praticamente impossível conseguir uma foto sem uma multidão junto com você.


Em frente ao Relógio das Flores



Foto tirada de dentro do onibus, só porque achei a cidade bem charmozinha.


Nossa segunda parada foi para almoçar, e nos levaram ao Enjoy del Mar...





Sinceramente??? O lugar não é barato e a comida não é boa. Não gostei!




Pedi um salmão com arroz cremoso e pra não ser injusta, vou dizer que a comida não estava horrível, mas também não estava deliciosa, e pelo preço deveria estar bem melhor.



Mas a vista do restaurante era bem legal.


Castelo Wulff



A outra parada que fizemos foi em frente ao Museo Fonk, que abriga peças arqueológicas referente a Ilha de Páscoa e já de cara podemos ver a peça principal, um moai (estatua Rapa Nui) bem na entrada, este moai é original da Ilha de Páscoa e se eu não me engano, é um dos dois únicos que se encontram fora da Ilha.
A entrada no museu não está inclusa na excursão. 

Eu não entrei no museu e por isso não posso dar maiores detalhes, mas para os que querem saber mais é só clicar aqui.

Pra quem não quer entrar no museu, existem lojinhas ali perto, principalmente de Lapis Lazuli, a principal pedra preciosa deles.

E depois deste tempo livre, é hora de voltar pra Santiago!

Nenhum comentário:

Postar um comentário